.

.

Mensagem do dia

03 agosto 2016

Você está no clima das olimpíadas?

Não entrei... Nem vou entrar  no clima dos jogos olímpicos
Desculpem, mas eu não estou entrando no clima de Olimpíada coisa nenhuma.

Isso é lá com o Rio de Janeiro e umas que outras praças desse país, cujo esporte de todas as modalidades está à mercê de pandilhas que fingem que trabalham, estão podres de ricas, arrombam e deixam arrombar os cofres de suas federações e confederações e não largam o osso nem que a Dilma tussa.

Eu estou no clima é do adeus a Dilma; das tornozeleiras para o Lula, do governo que Michel Miguel tem que começar e arrastar até 2018.

Eu estou é no clima de cansaço de ver esse país em crise; crise política, econômica e moral; estou é no clima desconfortável de ver esse país sem uma ordenação firme e saudável na Educação, na Saúde pública, na mobilidade urbana, na oportunidade de emprego, na in/segurança pública, na violência urbana, nas diferenças sociais, na baixa qualidade de vida, nos péssimos serviços essenciais.

É nesse clima que eu estou. 
E os Jogos Olímpicos que se danem. 
A pandilha de sevandijas já roubou o que tinha e o que não tinha para roubar. Mas ainda quer mais. Não torço por ninguém nessa patacoada imprópria e inoportuna.

Torço para que alguém torça o rabo desses proprietários indébitos do esporte e do meu país.
Qualquer vitória, individual ou por equipe brasileira, não será a vitória de um país sério, com uma política esportiva séria, honesta e adequada.
Não torcerei por esses heróis, que são heróis e vencedores por que são independentes e frutos de seu próprio esforço e suas próprias qualidades. Mas isso não quer dizer que não os respeite.

Eu os respeito. 
E muito. E por eles, meros competidores, ou vencedores por bronze, prata ou ouro que valham, tenho além de muito respeito uma enorme compaixão. Acabam servindo a quem deles se servem e se lambuzam.

Desculpem, sou um apaixonado pelo esporte, por todos os esportes, por qualquer modalidade esportiva, mas meu sentimento de patriotismo abomina e repele os canalhas que tomaram de assalto o esporte desse país, da mesma forma como em forma de crime organizado roubaram e deixaram roubar o Brasil.

Fazendo das palavras do autor Sergio Augusto Oliveira Siqueira as minha palavras que Compartilho  com a sua permissão.
 photo assinatura_7_zpsff26786e.gif

Um comentário :

  1. Eliene, minha querida amiga!

    Um texto muito, mto lúcido, inteligente e acima de tudo, patriótico. Sérgio Siqueira tem cabeça, cérebro e você sabe separar, mto bem, o trigo do joio.

    Jogos Olímpicos para quê? E a saúde, a educação, o bem estar social, por onde andam? Não dá pra meter por baixo do tapete, pke o lixo, coisa ou pessoa, sempre aparece.

    Portugal ganhou o campeonato europeu de futebol, mas com tão pouco mérito! Foi uma questão de sorte, apenas! Nem fiquei contente, nem triste, pke tenho outros interesses, outras situações, outras prioridades, que gostaria de ver resolvidas no meu país. Eles ganham milhões, especialmente, Cristiano Ronaldo, e essa gentinha pobre de espírito, os venera como se de Deus se tratasse. Tão triste e revoltante!

    No entanto, o povinho tolinho mantém nas janelas a bandeira portuguesa, como se fosse um grande feito. E se fosse ajudar, fazer voluntariado, qdo possível, não seria bem mais útil?

    Nova postagem por lá, diferente das anteriores. mto obrigada!

    Beijinhos, amiga!

    ResponderExcluir

Para você tudo de bom e um carinho sempre novo em agradecimento pela sua presença no fim do arco iris. Abraços.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...