.

.

Mensagem do dia

29 janeiro 2017

Dia da saudade


Se queres compreender
O que
é saudade
Ter
ás que antes de tudo conhecer
Sentir o que
é querer e o que é ternura
E ter por bem um grande amor viver
Ent
ão compreenderás
O que
é saudade
Depois de ter vivido um grande amor
Saudade
é solidão, melancolia,
É nostalgia, é recordar, viver
Se queres compreender
O que
é saudade.
(Mario Palmeiro e Renato Teixeira)



 Você conhece a origem da palavra saudade?
O termo vem do latim solitas, cujo significado é solidão. Cantada em prosa e verso, nós comemoramos a saudade   no dia 30 de janeiro  de cada ano.  Sentimento que invade a imaginação dos poetas e escritores que compartilhado com outros corações torna-se um sentimento misterioso que só quem sente sabe da sua grandiosidade.

                 Conforme o Dicionário Aurélio, a saudade é
Substantivo feminino: Lembrança nostálgica e, ao mesmo tempo, suave, de pessoas ou coisas distantes ou extintas, acompanhada do desejo de tornar a vê-las ou possuí-las; nostalgia.

12 janeiro 2017

Dicas do bem viver ....


Começando então:
 É hora de usar o dinheiro (pouco ou muito) que você conseguiu economizar. Use-o para você, não para guardá-lo e não para ser desfrutado por aqueles que não tem a menor noção do sacrifício que você fez para consegui-lo. Geralmente as pessoas que não estão sequer na família: genros, noras, sobrinhos. Lembre-se que não há nada mais perigoso do que um genro ou uma nora com ideias. Atenção: não é tempo para maravilhosos investimentos, por mais que possam parecer, eles só trazem problemas e é hora de ter muita paz e tranquilidade.

                      Segunda.
 Pare de preocupar-se com a situação financeira dos filhos e netos. Não se sinta culpado por gastar o seu dinheiro consigo mesmo. Você provavelmente já ofereceu o que foi possível na infância e juventude como uma boa educação. Agora, pois, a responsabilidade é deles.

                      Terceira
 Já não é época de sustentar qualquer pessoa de sua família.Seja um pouco egoísta, mas não usurário. Tenha uma vida saudável, sem grande esforço físico. Faça ginástica moderada (por exemplo, andar regularmente) e coma bem.

                     Quarta.
 Sempre compre o melhor e mais bonito. Lembre-se que, neste momento, um objetivo fundamental é de gastar dinheiro com você, com seus gostos e caprichos e do seu parceiro. Após a morte o dinheiro só gera ódio e ressentimento

                       Quinta.
 Nada de angustiar-se com pouca coisa. Na vida tudo passa, sejam bons momentos para serem lembrados, sejam os maus, que devem rapidamente ser esquecidos.

                       Sesta 
Independente da idade, sempre mantenha vivo o amor. Ame o seu parceiro, ame a vida, ame o seu próximo. Lembre - se!! “Um homem nunca é velho enquanto se lhe reste á inteligência e o afeto”.

                     Sétima. 
Seja vaidoso. Cabeleireiro frequente, faça as unhas, vá ao dermatologista, dentista, e use perfumes e cremes com moderação. Porque se agora você não é bonito, é, pelo menos, bem conservado.

                    Oitava
 Nada de ser muito moderno. É triste e doloroso ver pessoas com penteados e roupas feitas para os jovens.

                    Nona.
 Sempre mantenha-se atualizado. Leia livros e jornais ouça rádio, assista bons programas na TV, visite Internet, com alguma frequência, envie e responda “e-mails” use as redes sociais, mas sem estresse ou para criar um vício. Chame os amigos.

                  Décima
 Respeite a opinião dos jovens. Muitos deles estão mais bem preparados para a vida, como nós quando estávamos a sua idade.
                Décima primeira.
 Nunca use o termo “no meu tempo¨. Seu tempo é agora, não se confunda. Pode lembrar-se do passado, mas com saudade moderada e feliz por ter vivido.
  
                  Décima segunda.
 Não caia em tentação de viver com filhos ou netos. Apesar de ocasionalmente ir alguns dias como hóspedes, respeite a privacidade deles, mas especialmente a sua.

Se você perdeu o seu parceiro, obtenha uma pessoa para ir morar com você e trabalhar com as tarefas domésticas, e tomar esta decisão somente quando não mais possa dar de si e o fim esteja próximo. 

                 Décima terceira
 Pode ser muito divertido conviver com pessoas de sua idade. E o mais importante, não vai funcionar com qualquer um. Mas sim se você se reunir com pessoas positivas e alegres, nunca com “velhos amargos”.

               Décima quarta.
 Mantenha um hobby. Você pode viajar caminhar, cozinhar, ler, dançar, cuidar de um gato, de um cachorro, cuidar de plantas, cartas de baralho, golfe, navegar na Internet, pintura, trabalho voluntário em uma ONG, ou coletar alguma coisa.

Faça o que você gosta e o que seus recursos permitem.

                Décima quinta
 Aceite convites. Batizados, formaturas, aniversários, casamentos, conferências... Visite museus, vá para o campo o importante é sair de casa por um tempo. Mas não fique chateado se ninguém o convidou. Certamente, quando você era jovem também não convidava seus pais para tudo.

                Décima sesta.
 Fale pouco e ouça mais. Sua vida e seu passado só importam para você mesmo. Se alguém lhe perguntar sobre esses assuntos, seja breve e tente falar sobre coisas boas e agradáveis. Jamais se lamente de nada. Fale em um tom baixo, cortês. Não critique qualquer coisa, aceite situações como elas são. Tudo está passando. Lembre-se que em breve voltará para sua casa e sua rotina.

                  Décima sétima
 Dores e desconfortos apresentaram sempre. Não os torne mais problemático do que são. Tente minimizá-los. No final, eles só afetam você e são problemas seus e do seu médico. Lamentações nada conseguem.

               Décima oitava
 Permaneça apegado à religião. Mas orando e rezando o tempo todo como um fanático, não conseguirá nada. Se você é religioso, viva-o intensamente, mas sem ostentação. A boa notícia é que “em breve, poderá fazer seus pedidos pessoalmente”.
                 Décima nona
  Ria-se muito, ria-se de tudo. Você é um sortudo, você teve uma vida, uma vida longa, e a morte só será uma nova etapa, uma etapa incerta, assim como foi incerta toda a sua vida.

E para encerrar a Vigésima dica

Não faça caso do que dizem a seu respeito, e menos do que pensam de você.
 Se alguém lhe diz que agora você não faz nada de importante, não se preocupe. A coisa mais importante já está feita: você e sua história, boa ou ruim, seja como foi. Agora se trata de uma jubilação, o mais suave, em paz e feliz possível.

E LEMBRE-SE “A vida é muito curta para beber vinho ruim

11 janeiro 2017

Que 2017 seja o ano da recompensa


Sou caçadora do amor verdadeiro, do olho no olho, do desejo, da lealdade e da cumplicidade. Mas todas nós sabemos que as pessoas que perseguem ideais, às vezes são pegas pelas contingências da vida. É um risco. Mas ainda assim vivem em função de concretizá-los. E por isso conseguem.


Pode ser assim também com o desejo de um amor verdadeiro. Esse amor normalmente tem um preço. Mas não tenha medo de valores! Apenas saiba que eles existem e esteja pronta para pagá-los.

Muitas pessoas evitam o desejo de amar e ser amado por causa do medo dos custos. Mas para mim, enterrá-los é o maior custo de todos. É uma armadilha acreditar que se entregarmos o nosso coração mais uma vez, os nossos problemas começarão.

Acredito que todos nós desejamos viver o amor real, sem máscaras, sem mentiras e sem traições. É um sonho talvez, ou algum tipo de prêmio que quem sabe um dia alcançaremos.
Paira na mente de quem sonha viver um grande e eterno amor. Uma junção de corpos de uma maneira mais profunda. Queremos não apenas descobrir os desejos do outro, mas também que os desejos dele como os nossos sejam tatuados na alma de quem chega para ficar e que essa tatuagem seja nosso nome.

Talvez o preço de um amor verdadeiro seja muito alto, e até agora estejamos nessa busca porque estamos aceitando qualquer pechincha. Estamos dispostas a vender nosso maior e mais complexo sentimento para colecionadores e usurpadores de ilusões.

Às vezes, nessa busca desenfreada pelo outro acabamos por cair em ciladas. Se buscarmos o que nos impele o nosso coração, a toda hora e a todo novo encontro estaremos gerando desencontros deixando para trás o que antes era muito precioso o nosso eu, as nossas vontades, os nossos desejos e os nossos sonhos. Esse é um risco bastante assustador nãé, vender a nossa alma para mais um mercador inescrupuloso?

Amiga, realizar esse desejo tem um custo alto que nem todos estão dispostos a pagar: fidelidade, enterro do ego, verdade e dedicação entre outros. Mas que tal não alcançá-lo nunca? Isso pode ser muito caro também.

Raramente o que vale a pena vem de graça.
É preciso deixar ir o passado e acreditar que é possível. Não existe outra forma de ser feliz que não seja arriscando. Contudo é preciso saber a hora certa de abandonar o trocado que nos está sendo dado em troca do amor sem medida que os entregamos.

Amar e ser amada muitas vezes requer mudança e, embora uma mudança possa ser momentaneamente desconfortável, também pode ser surpreendentemente compensadora.
Não desista diante dos desencontros, mantenha o foco, não barganhe, mesmo que o preço de um amor verdadeiro seja um tempo de espera um pouco maior do que você deseja, continue porque quando ele chegar o tempo irá parar para que você possa vivê-lo intensamente. ~
Liliane Ribeiro é jornalista, blogueira e autora do livro "Papo Reto com Liliane Ribeiro"

08 janeiro 2017

Homens só se tornam adultos aos 54 anos.

E aí galera dos cinquentenas....Acredite... Atenção!!! No mundo da psicologia os homens só se tornam adultos aos 54 anos.

A minha curiosidade foi aguçada pelo título desse artigo encontrado na net. Não podia deixar de passar para você que ainda tem essas crianças(filho)em casa como eu.
Se a vida começa aos 54 anos para homens me faz pensar que quase acabei de criar o filho de outra mulher quando me casei. Foi assim comigo até quando meu esposo morreu aos 44 anos por isso o quase acabei de criar.

Pois é...a criança grande só torna-se adulto aos 54 anos quando sentem-se resolvidos....decididos...prontos para o enfrentamento diário...amadurecidos.

Segundo a pesquisa a culpa desse retardamento fica por conta das  pressões financeiras e à paternidade adiada quando dois terços dos bebes dessa geração nascem de pais com mais idade, mais ou menos 30 anos.

Realizado pelo Centro Crown Clinic, em Manchester, o estudo mostra que aos 40, os homens ainda não deixaram para trás suas inseguranças juvenis fazendo com que o amadurecimento seja  retardado, incluindo imperfeições físicas, problemas com dinheiro e solidão.

Eles citaram medos como o de não conseguir adquirir a primeira casa, perder o cabelo e estar desempregado. O processo de envelhecimento também apareceu com força, além de ter que lidar cabelos grisalhos, queixo duplo e mamas.

Estamos vivendo muito mais e, com os custos de vida aumentando e a paternidade sendo adiada, homens inevitavelmente leva mais tempo para se sentirem resolvidos comentou Asim Shahmalak, da Crown Clinic.

Gente....está explicado  a presença de tanta criança tamanho adulto vagando por aí. Kkkk.  Como para a mãe filho nunca cresce... É sempre menino, fico pensando que tenho um de 32 lá em casa.
A minha criança grande que eu amo tanto.
Ah! O artigo está em O segredo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...