.

.

Mensagem do dia

15 junho 2014

E a copa chegou... O inicio


Que venha a copa...
Que venha o Brasil...
E ela veio... Ao encontro do Brasil brasileiro que  estava esperando-a  já algum tempo.

Chegou não tão cheia de charme como fora esperada, mas chegou.
Fugiu muito das expectativas que foram criadas na imaginação de todo o povo brasileiro, haja vista que somos dotados de criatividades, capazes de desenvolver temas maravilhosos, realçando sempre as nossas belezas naturais, as particularidades de cada estado, enfim... mostrando  a  verdadeira cara do nosso país.

Na verdade, o que assistimos  deixou a desejar.
Faltou entusiasmo... Música no gogó... Samba no pé... e o ingrediente principal: a ousadia de  mostrar-se por inteiro.
Uma pobreza provocadora, desmerecendo toda a nossa potencialidade.
Não seriamos capazes de produzir tamanha festa?
Não somos o país do maior espetáculo da terra?
Somos ou não somos o país do carnaval?
Levamos para á Avenida Marques de Sapucaí, grandiosos desfiles, majestosos eventos, sob a responsabilidade de coreógrafos brasileiros.
Na avenida somos a prova viva de tudo isso e muito mais.

Diante dos valores  financeiros investidos na abertura da copa 2014 aqui no Brasil, teríamos  que ser bem mais brasileiro.
Mostrar-se brasileiro significa: festas juninas, bumba- meu boi, cirandas, samba de roda, reinados, carnavais...

Pois bem... Escolheram por nós um mascote dentre  muitos de beleza ímpar,  mas a ausência do tatu Fuleco foi notada por olhos que se fizeram presentes e bocas que perguntaram:
-Onde está o Fuleco?
-Onde está a mascote?
Não participou da festança, por quê?
-Não gostou da tradução do seu nome.
Ficou envergonhado.
Sabe-se lá o que aconteceu...

E eis que, em meio a tantas fitas coloridas a bola se abriu e surge   o trio cantador
( play back) escolhido pela sr a dona FIFA, 
a La padrão biótipo
próprio/europeu, com suas indumentarias a la 2 milhões de dólares.
Nada com nada da nossa miscigenação.
Preconceito?

Esqueceram também que sabemos cantar?
Acredito que faríamos também melhor canção para o tema.

Ah! e o ponta pé  inicial simbólico dado pelo paciente paraplégico, quem viu? 

Assim eu vi...Assim eu escrevo.
Imagens tirada da internet.

3 comentários :

  1. É minha amiga ninguém sabe nem o que comentar diante do descontentamento. Brasil País tropical abençoado por Deus, até dele esqueceram... Só podemos dizer que "aquilo" que chamaram de abertura foi um verdadeiro fechamento, até o Fuleco achou "fuleragem" e se mandou. Beijos no coração.

    ResponderExcluir
  2. Uma vergonha... Algumas coisas deram errado. Agora me responda, qual foi a copa que fizeram em outros países e lembraram de levar uma cantora brasileira? Nunca. E por que trazer esta sem graça de outro país pra cantar aqui? Temos cantores talentosos que deveriam estar ali com a Claudinha.... Muito sem graça.
    Achei feio a esculhambação a presidente, os protestos lá fora do estádio... Quero ver se o povo vai protestar nas urnas em outubro e outra, o povo que esculhambou a presidente não foram os pobres, pq os pobres não estavam ali, foi a classe média, a elite então.... Essa copa no Brasil entra na história do país como uma vergonha.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, blogueiro Hamilton. Tudo enfim ficou a desejar. A reação hostil á presidente por parte da '"ELITE BRANCA" é sinal de que estão também sentindo-se incomodados, resta saber o porque desde quando é a " ELITE PRETA" a mais sofrida com todos os absurdos da desigualdade que presenciamos nesse país. Confesso que estou tremendamente chocada com esses termos que divide a classe humana, me fazendo lembrar do APARTHEID. Grande abraço. Valeu pela visita.

      Excluir

Para você tudo de bom e um carinho sempre novo em agradecimento pela sua presença no fim do arco iris. Abraços.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...