.

.

Mensagem do dia

17 maio 2015

O MODO ENFERMEIRA DE SER

Técnica  de enfermagem (o) não anda,  DEAMBULA.
Não fuxica,  FAZ ANAMNESE.
Não incha, tem  EDEMA.
Não tem coceira, tem  PRURIDO.
Não se apega,  ESTABELECE VÍNCULOS.
Não fica doente,  MANIFESTA SINAIS/SINTOMAS.
Não conversa,  ESTABELECE COMUNICAÇÃO VERBAL.
Não é legal, é  HUMANIZADA.
Não trabalha,  EXECUTA HABILIDADE COGNITIVA TEÓRICO – PRÁTICA.
Não briga,  DIVERGE COM FUNDAMENTAÇÃO.
Não ouve,   AUSCULTA.
Não beija,  COMPARTILHA MICROBIOTA DA CAVIDADE ORAL.
Não impõe,  EXERCE LIDERANÇA.
Não bebe, faz  INGESTA ETÍLICA.
Não encosta,  CONTAMINA.
Não organiza,  SISTEMATIZA.
Não arrota, apresenta  ERUCTAÇÃO.
Não ampara, oferece  SUPORTE EMOCIONAL.
Não dá remédios,  ADMINISTRA MEDICAÇÕES.
Não joga fora, DESPREZA.
Não usa camisinha, usa  MÉTODO CONTRACEPTIVO DE BARREIRA.
Não limpa com álcool, faz  ANTISSEPSIA ou DESINFECÇÃO.
Não é saudável,  MANTÉM HOMEOSTASIA CORPORAL.
Não trabalha junto, trabalha em  EQUIPE.
Não trata,  CUIDA.

Não gosta do que faz,  AMA !!!
 photo assinatura_7_zpsff26786e.gif

16 maio 2015

SEMANA DA ENFERMAGEM

O Dia Internacional da Enfermagem, ou Dia Internacional do Enfermeiro passou a ser uma data comemorativa no Brasil no ano de 1938, quando a data foi instituída pelo então presidente Getúlio Vargas, através de decreto-lei.
E tudo começou com Florence Nightingale de nacionalidade inglesa, que nasceu em Florença, na Itália daí o seu nome... Florence.
Aos 17 anos, sendo cristã anglicana, decidiu ser enfermeira, acreditando ter um chamado de Deus para fazer enfermagem.
E foi na guerra da Criméia em que o Reino Unido participou entre 1853 e 1856 que o seu trabalho se tornou mais conhecido e ela foi chamada de "Dama da Lâmpada", instrumento que ela usava durante a noite para ajudar melhor os feridos.
Fundadora da primeira Escola de Enfermagem secular do mundo na Inglaterra, em 1860.

Costumo dizer que A Enfermagem é uma arte;
pois para exercer-la necessário se  faz ter uma devoção tão exclusiva, um preparo tão rigoroso, quanto a obra de qualquer pintor ou escultor;
pois o que é tratar da tela morta ou do frio mármore comparado ao tratar do corpo vivo, o templo do espírito de Deus?

É uma das artes  mais bela ! A mais bela de todas. Eu sei que é.
A data oficial (12 de maio) é comemorada mundialmente desde 1965. Foi decidida pelo Conselho Internacional de Enfermeiros em 1974, para  mostrar a importância dos enfermeiros e enfermeiras na sociedade.
 photo assinatura_7_zpsff26786e.gif

15 maio 2015

DIA INTERNACIONAL DA FAMÍLIA

Alguns dias longe de vocês e já cheia de saudades, mas  hoje realmente não poderia deixar de abraçar os  meus amigos virtuais  pela passagem do dia internacional da família, afinal... você faz parte da família do meu arco Iris.
Logo... logo estarei com a minha agenda atualizada e estarei com certeza mais perto assiduamente de todos.

A primeira vez que foi celebrado o dia da família foi em 1994, quando a Assembléia Geral da ONU  instituiu o 15 de maio como Dia Internacional da Família.
Tem como objetivo principal:
- Divulgar a importância da família na sociedade;
- Sublinhar o caráter basilar da família na educação das crianças;
- Passar mensagens de amor, respeito e união,
  elementos essenciais para o bom relacionamento
  entre todos os componentes, alertando também a 
  sociedade para os direitos e suas respectivas
  responsabilidades perante as famílias de um modo
  geral,sensibilizando  os cidadãos para as questões
  sociais, econômicas e demográficas que afeta
  diretamente a família.

Comemoramos por aqui no dia 08 de dezembro e a data esta relacionada  por coincidir com o Dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição., sob O Decreto de Lei nº 52.748, de 24 de Outubro de 1963.

 photo assinatura_7_zpsff26786e.gif

07 maio 2015

HISTÓRIA DE MÃE.

Naturalmente que vivemos o dia das mães como uma data alegre, cheia de homenagens, recheada de amor e carinho, com distribuição de  abraços, flores, chocolates, presentes e almoços deliciosos.  
Nada mais justo... Não é verdade? 
Afinal  a rainha do lar  é merecedora de todas as demonstrações de carinho e amor.

Certamente muitos de nós não tem conhecimento  da  verdadeira origem dessa data, cuja história revela um lado cheio de Idéias solidarias a fim de promover melhor qualidade de vida.

Vamos lá:  veja o que eu achei andando por aí......
tudo começou em 1850 nos Estados Unidos quando uma ativista chamada  Ann Reeves Jarvis fundou clubes de trabalho que funcionavam nos chamados “Dia das mães”.
ideia era que as mulheres trabalhassem para melhorar condições sanitárias e diminuíssem a mortalidade infantil.Os mesmos grupos também cuidaram de soldados feridos da Guerra Civil.

Nos anos seguintes, ela passou a organizar piqueniques em “Dias das Mães” para encorajar mais mulheres a participarem da política, promover a paz, organizando  frentes de trabalho para evitar que suas crianças sofressem com o trabalho infantil.
Mas foi a filha  de Ann Reeves Jarvis,  Anna Jarvis, que estabeleceu a data como ela é hoje, mesmo mudando o sentido real  do movimento.

Anna nunca teve filhos, mas a morte de sua mãe, em 1905, a inspirou a organizar “Dias das Mães” em homenagem a elas.
O Dia das Mães deveria ser uma data na qual filhos deveriam  estar com suas mães em agradecimento e reconhecimento  pelos esforços que elas fizeram em sua criação.
Mas, apesar de algumas cidades adotarem o feriado no segundo domingo de maio, logo os esforços de Jarvis acabaram pendendo para o lado comercial da data, através dos presentes - coisa que Anna considerou uma grande falha.

Quando lojas começaram a encorajar a compra de flores e cartões e Anna percebeu seus propósitos capitalistas, ela passou a organizar boicotes e protestos - tudo para devolver à data o seu propósito original.
Criou um memorial à sua mãe e iniciou uma campanha para que o Dia das Mães fosse um feriado reconhecido. 
Ela obteve sucesso ao torná-lo reconhecido nos Estados Unidos em 8 de maio de 1914.

Em 1923, ela e seus seguidores invadiram uma confecção na Filadélfia. Ela continuou protestando até 1940 - e em 1948, morreu em um sanatório.

         Vou contar como surgiu aqui no Brasil...

Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas, a pedido das feministas da Federação Brasileira pelo Progresso Feminino, oficializou a data no segundo domingo de maio.
A iniciativa fazia parte da estratégia das feministas de valorizar a importância das mulheres na sociedade, animadas com as perspectivas que se abriram a partir da conquista do direito de votar, em fevereiro do mesmo ano.

Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.

Fugindo muito do real desejo de Anna Jarvis, a data tem contribuído com grandes lucros ao comercio  de um modo com geral, pois tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos o Dia das Mães é a segunda melhor data  depois do Natal.

 photo assinatura_7_zpsff26786e.gif
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...